Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Blog da Santa Casa da Misericórdia de Torres Vedras

As últimas notícias sobre o Lar de Nossa Senhora da Misericórdia, Clínica Domus Misericordiae, ERPI, Creche, Jardim de Infância, CATL, Centro de Dia e Serviço de Apoio Domiciliário

O Blog da Santa Casa da Misericórdia de Torres Vedras

As últimas notícias sobre o Lar de Nossa Senhora da Misericórdia, Clínica Domus Misericordiae, ERPI, Creche, Jardim de Infância, CATL, Centro de Dia e Serviço de Apoio Domiciliário

A Igreja da Misericórdia acolheu CICLO DE ÓRGÃO em ambiente Natalício

a1.jpg

O Órgão Histórico Bento Fontanes, que se encontra na Igreja da Misericórdia, e foi recentemente restaurado, inspirou um ciclo dedicado a este instrumento em Torres Vedras.

 

Apresentando-o do ponto de vista artístico e dando a conhecer a literatura para órgão desde o século XVI até ao século XIX, este ciclo mostra também o órgão como instrumento acompanhador.

 

A primeira edição do mesmo chegou ao seu término no transato fim de semana com uma atuação de alunos do Atelier de Órgão da Santa Casa da Misericórdia de Torres Vedras e da Escola de Música Luís António Maldonado Rodrigues, a qual foi comentada por Joaquim Moedas Duarte. Anteriormente, em dezembro, e também com músicas alusivas à quadra natalícia, atuara no âmbito deste ciclo a Schola Cantorum da Catedral de Santarém, num concerto que foi enriquecido com leituras bíblicas, sendo que o mesmo se iniciara em novembro com uma atuação do Ensemble "Os Desafinados", grupo vocal formado por alunos da Escola Superior de Música de Lisboa.  

 

Através dos vários timbres produzidos por aquele instrumento, e da qualidade dos agrupamentos e intérpretes que participam neste ciclo, o mesmo constitui-se como um acontecimento impar na vida cultural de Torres Vedras, querendo por isso mesmo sensibilizar a população para a música de órgão, bem como tornar-se numa marca de referência para o turismo local.

 

Esta primeira edição do Ciclo de Órgão de Torres Vedras teve como diretor artístico Daniel Oliveira, foi organizada pela Santa Casa da Misericórdia de Torres Vedras com o apoio da Câmara Municipal e contou com a parceria da Associação Cultural Cultur'Canto e dos jornais Voz da Verdade e Badaladas.